Hipertensão na gravidez: entenda a doença e saiba como evitar - Clínica Conceptus

Hipertensão na gravidez: entenda a doença e saiba como evitar

Publicado em 5 de maio de 2016 com 0 comentários

Durante a gravidez, diversos problemas podem ocorrer, e a hipertensão é um dos mais comuns nesse período. Para saber as causas e como se prevenir das consequências, é só continuar lendo esse post.

Quando pode ocorrer hipertensão na gravidez?

Normalmente os valores da pressão arterial costumam aumentar por volta da 20ª semana de gravidez. Caso isso ocorra antes desse período, possivelmente a mulher já era hipertensa antes de engravidar. Se a situação for esta, o obstetra deve receitar medicamentos para poder controlar a hipertensão e evitar maiores problemas na gestação.

hipertensao-gestacional

O que é a hipertensão gestacional?

A hipertensão na gravidez é nada mais do que o aumento da pressão sanguínea em mulheres que ainda não haviam sido diagnosticadas com pressão alta. Nesse período, esse distúrbio pode ser apresentado de duas formas: pré-eclâmpsia e eclâmpsia.

A pré-eclâmpsia ocorre quando há aumento de pressão arterial com eliminação de proteína pela urina. Esse problema geralmente está relacionado a problemas renais, no fígado, no sistema nervoso central ou à queda no número de plaquetas. Caso não seja tratado devidamente, pode provocar a eclâmpsia, que é a reta final da doença e é caracterizada por sintomas mais graves (como convulsões e inchaços) devido à pressão extremamente elevada, o que pode colocar a vida tanto da mãe quanto do bebê em risco.

O que pode causar a hipertensão gestacional e como se prevenir?

Alguns dos fatores que podem ocasionar a hipertensão gestacional são as mudanças que ocorrem no organismo durante a gravidez, malformação da placenta, maus hábitos alimentares, consumo excessivo de sal e o sedentarismo. Ademais, mulheres que estão na primeira gravidez, são gestantes com sobrepeso, possuem mais de 35 anos, tem histórico de pré-eclâmpsia na família ou estão em uma gravidez gemelar tem mais tendência a desenvolverem hipertensão na gravidez.

Então para se prevenir, vale ter mais cuidados com a alimentação, fugir do sal, beber bastante água, evitar o estresse ao máximo, praticar atividade física e ficar de olho no ganho de peso. Além disso, a dieta deve ser rica em ácido fólico, pois esse nutriente tem ação vasodilatadora e baixa quantidade de sal (que é um dos ingredientes mais desencadeadores da pressão alta).

Atenção

É essencial ficar atenta aos sinais que são dados ao organismo, como dores de cabeça e abdominais frequentes, falhas na visão e alto nível de retenção líquida no corpo. Caso você sinta algum desses sinais durante a gestação, é necessário buscar ajuda médica o quanto antes.

hipertensao-gravidez

Consulte seu obstetra

Infelizmente nem sempre é possível se prevenir ou controlar a hipertensão apenas com uma alimentação balanceada e cuidados gerais com a saúde, principalmente em casos que a mulher já era hipertensa, então é sempre necessário conversar com seu obstetra para saber quais medidas devem ser tomadas em seu casa. Vale lembrar também de que realizar o pré-natal adequadamente e fazer as consultas e os exames pedidos pelo médico pode contribuir na prevenção de problemas durante a gestação.

Preencha os dados abaixo para receber informações sobre os serviços da Clínica Conceptus.





Tags: cuidados, grávida, gravidez; hipertensão, hipertensão gestacional;, prevenção, saúde

Deixe seu comentário